Sabemos que o atendimento jurídico está mudando. Podemos auxiliar nas decisões do seu negócio.

FALE COM O CONSULTOR

Notícias

Câmara rejeita isenção de tributos para empresas de saneamento

categoria:

A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados rejeitou projeto (2818/08) que concede isenção do Imposto de Renda (IR) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) a empresas de saneamento básico.

 

Como tramita em caráter conclusivo, o projeto será arquivado, a não ser que pelo menos 51 deputados apresentem recurso para que seja votado em Plenário.

 

De acordo com o relator, deputado João Dado (PDT-SP), a proposta não cumpriu as exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar 101/00).

 

Pela lei, o autor de projeto que implique redução de receita para a União deve demonstrar que a renúncia foi considerada na estimativa de arrecadação da lei orçamentária e que não afetará as metas de resultados fiscais previstos na mesma lei. Caso a proposta implique queda de receita, o proponente deve apresentar formas de compensação.

 

Pelo texto, de autoria do deputado Renato Molling (PP-RS), teriam direito à isenção empresas sem fins lucrativos, que não repartam lucros entre dirigentes e empregados. Quem receber o benefício também ficará obrigado a reaplicar os lucros em obras de saneamento.

 

Fonte: Síntese

Notícias relacionadas:

Comissão aprova permissão para microempresa participar do mercado de capitais

24/11/14

A Comissão de Desenvolvimento Econômico Indústria e Comércio aprovou, no começo de novembro, pr...

Desvinculação de receitas não gera direito a devolução de tributo a contribuinte

17/11/14

Foi negado provimento ao Recurso Extraordinário (RE) 566007, com repercussão geral, em que uma emp...

Superior retoma julgamento sobre tributação de cooperativas

10/11/14

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) retomou quinta-feira (6) o julgamento de dois recursos...

Fale com um consultor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *